♕ Blog da Ingrid Dirgni ♕

Just another WordPress.com weblog

Arquivo para o mês “agosto, 2011”

Principios para Crescer Espiritualmente

Práticas corriqueiras, mas negligenciadas, da fé cristã são capazes de ajudar o crente na busca pela plenitude de Deus.

Todos os crentes, ao menos, os sinceros, reconhecem que sua vida espiritual pode e precisa melhorar. Não existe uma pessoa que, confrontada com os padrões e ensinamentos propostos pela Bíblia, possa considerar sua vida como um exemplo de plenitude na fé. É claro que a vida com Jesus não é feita apenas de regras. Não fossem a graça e a misericórdia do Senhor, ninguém seria salvo. Por outro lado, a caminhada cristã pressupõe um constante aperfeiçoamento, processo que muitos chamam de santificação.

Vejamos alguns desses princípios:

1- CULTIVE SUA ESPIRITUALIDADE

“Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.(2Tm.3:16-17)

A única forma de se exercer uma espiritualidade cristã equilibrada é retornar aos parâmetros da Bíblia Sagrada.

2- ORE SEM CESSAR
“Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos”. (Ef.6:18)

O principal elemento que leva o crente aos mananciais da vida do Espírito é a oração.

3- ANDE EM SANTIDADE
“Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor” (Hb.12:14)

A santidade começa com um coração quebrantado e humilde diante do Senhor.

4- LEIA E MEDITE NAS ESCRITURAS
Examinai as Escrituras… são elas que de mim testificam. (Jo.5:39)

O primeiro passo para uma vida vitoriosa diante do Senhor é ter desejo de ler a Palavra de Deus e obedecê-la. A Bíblia nos faz prostrar com o rosto em terra diante do Senhor e nos conduz ao segundo passo, que é um arrependimento que quebranta o coração.

5- CUIDE COM CARINHO DO SEU PRÓXIMO
Gálatas 6:10      Então, enquanto temos tempo, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé.

A falta de pão na mesa do pobre é uma denúncia da falta de espiritualidade no altar dos cristãos. Espiritualidade é vida. Uma sociedade que destrói todas as formas de vida está condenada à frieza e à morte. O gemido da natureza, a morte de tantas crianças inocentes, a fome e as guerras são uma denúncia da falta de espiritualidade de nossa geração.

6- VIVA EM COMUNHÃO
“E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela sua palavra hão de crer em mim; para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste”. Jo.17:20-21)

A abundância da vida cristã só pode ser experimentada por meio da mutualidade. A verdadeira fé é aquela que prioriza os relacionamentos. Quando há intimidade com o Senhor e compromisso com o Evangelho da justiça, aflora a mutualidade entre os membros do corpo de Cristo.

7-UM BOM TESTEMUNHO VALE MAIS QUE MIL PALAVRAS

“Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza (1Tm.4:12)
Deus deve estar em nós, nos nossos atos, nas nossas falas. É desta forma que as outras pessoas vão perceber a presença do Senhor na nossa vida.

8 – O “IDE” NÃO É UMA OPÇÃO

“Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. (Mt.28:19-20)
O coração do Senhor pulsa pelo perdido.

 

9- RESERVE TEMPO PARA DEUS  

“Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mt.6:33).
O que precisamos é dar tempo e espaço para que o sagrado possa se manifestar em nossas vidas.

10- PODE TER CERTEZA: JESUS CRISTO É O SENHOR!

“Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai. Fl. 2:9-11)

Os crentes estão sendo ensinados a acomodar-se mais à vida terrena e à busca por valores materiais.  Vivemos em uma sociedade em que é mais importante ser rico do que ter amigos íntimos; é mais importante ser famoso que amar. Deus se torna acessório, nunca o essencial da vida; o absolutismo da sua Palavra perde força diante do relativismo da necessidade humana.

Pr. Junior de Mendonça

Anúncios

Navegação de Posts